sábado, 3 de setembro de 2011

Uma anedota para químicos... e para si também...


P: O que diz o carbono quando vai preso?

R: Tenho direito a 4 ligações!


Para que a anedota não seja só para químicos, aqui fica uma explicação:

Um átomo é formado por um centro, que é fixo, chamado núcleo. Este é constituído por partículas positivas – os protões e por partículas neutras – os neutrões. É também formado por uma parte exterior com electrões (partículas com cargas negativas) que giram à volta do núcleo a uma grande velocidade. Estes electrões formam camadas que ficam dispostas em redor do núcleo, camadas essas que formam a núvem electrónica.

De uma forma simplificada:


O átomo de carbono tem 4 electrões na camada exterior.  Para ficar com a estrutura electrónica estável de gás nobre (2 átomos de carbono na primeira camada, ou 8 nas outras camadas)  o carbono teria que perder, ou ganhar 4 electrões. São demasiados electrões para perder ou receber. Os iões resultantes teriam carga 4+ ou 4-, e portanto uma carga muito grande. Assim, o carbono forma compostos em que as ligações são de preferência covalentes em vez de iónicas. Cada electrão pode ser partilhado com outros elementos, que por sua vez também partilham os seus, e todos podem assim completar as suas camadas electrónicas formando aquilo a que se chama ligações covalentes. 


(a azul electrões do carbono e a vermelho os dos hidrogénios)


Ou seja, em qualquer situação e para formar uma molécula estável, um átomo de carbono forma sempre 4 ligações.

3 comentários:

  1. como é que não me lembrei disto antes...

    ResponderEliminar
  2. Respostas
    1. Não. os neutrões não têm carga negativa. São neutros. Obrigada pelo seu reparo. Já corrigimos.

      Eliminar